Salve! Digital agora é Zygon

Consolidando seu foco no novo mercado de automação de marketing, a Salve! Digital passa a se chamar Zygon, se posicionando como a primeira Trading Desk do Norte/Nordeste do Brasil.

No mercado há 5 anos, a Salve!Digital – agora Zygon – sempre buscou estar a par das inovações do marketing digital buscando entendê-las a fim de identificar a melhor aplicação para a geração de resultados palpáveis para seus clientes. Este contínuo processo de atualização percebeu o surgimento de uma disrupção no mercado. “O marketing digital será cada vez mais automatizado e orientado por dados. A compra de mídia programática e o inbound marketing são as faces mais maduras desta nova realidade”, diz Lucas Reis, CEO da Zygon.

Durante um ano, a equipe da Zygon realizou uma profunda pesquisa, fez benchmarking com empresas de diferentes estados do Brasil, dos Estados Unidos e da Europa; participou de treinamentos e eventos em São Paulo e Londres, além de negociar acordos com diferentes players da cadeia de mídia programática. Depois deste intenso processo, a empresa inicia o segundo semestre de 2016 se apresentando como uma Trading Desk. “Programmatic é tao inovador e disruptivo que achamos que precisávamos apresentar isso ao mercado com uma nova marca”, diz Ian Castro, CSO da empresa.

Zygon é uma palavra de origem grega que se refere às terminações nervosas que unem os dois lados do cérebro: o direito, responsável pela criatividade; e o esquerdo, responsável pelo raciocínio lógico.

“Essa é a nossa missão: unir estratégia, criatividade e design com análise de dados, tecnologia e automação a fim de otimizar o investimento em marketing digital”, afirma Lucas.

A compra de mídia programática permite acessar um volume maior de espaços de publicidade. Além disso, toda a exibição de anúncios é orientada por dados sobre o usuário que acessa, bem como sobre o desempenho passado e a projeção de desempenho futuro de uma tática específica. Outro diferencial de programmatic é o intenso cuidado com a identificação e correção de fraudes (cliques fraudulentos e non human traffic), bem como com o contexto em que uma marca é exibida (brand safefy). De forma complementar, o Inbound Marketing se dedica à fidelização deste público e seu amadurecimento no ciclo de decisão de compra. Este processo ocorre através de conteúdo atrativo e relevante para o target, enviado de maneira automatizada, de acordo com suas interações com a marca.

“Uma campanha de data-driven marketing tem como objetivo exibir o conteúdo certo ao público certo no melhor momento e ao menor custo possível. Controlando melhor os canais de marketing e sua integração com diversas fontes de dados (1st e 3rd party), podemos impactar o consumidor em diferentes momentos da sua jornada de compra, mensurando, em tempo real, o ROI de cada tática adotada.”, conclui Ian.

Com sua nova marca, a Zygon está pronta para trazer ao mercado regional todos os benefícios da automação de marketing (mídia programática e inbound marketing) para a geração de resultados aos anunciantes.

Lucas Reis
Lucas Reis
CEO da Zygon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *